O que é Fechamento de Diastemas e como tratar?

 Em Dicas, Lentes de Contato Dentais, Ortodontia Estética
O que é Fechamento de Diastemas e como tratar?
Avalie esse artigo

O sorriso perfeito é o sonho de muita gente. Não somente pela estética, mas também pela autoestima e autoconfiança que proporciona. Quando os dentes estão alinhados e sem espaços entre eles, aumenta a segurança da pessoa. Além disso, o sorriso é o cartão de visita, não é mesmo?

Uma das maiores reclamações nas clínicas odontológicas de Curitiba, é sobre os diastemas. Ou seja, aqueles espaços entre um dente e outro ou ainda quando um fica em cima do outro. Muitas pessoas sofrem com esse problema, sem saber que pode ser resolvido através de um bom tratamento odontológico.

Descubra o que causa diastemas e como resolvê-los:

 

O que é diastemas?

O diastema, na verdade é um desencontro entre o tamanho dos ossos dos maxilares e dos dentes. Isso faz com que os dentes fiquem desalinhados, com um espaço entre eles ou um sobre o outro.

O espaço entre os dentes pode ser causado por vários motivos diferentes, além desse desencontro. Um dos principais é a queda dos dentes de leite. Contudo, neste caso é necessário esperar, pois com o nascimento dos dentes permanentes  eles tendem a se fechar.

O problema também costuma surgir quando a pessoa perde algum dente e possui uma arcada dentária desproporcional, com dentes assimétricos. Outro agente causador é a má formação dos incisivos.

Outros motivos:

  • Anormalidade do freio labial;
  • Chupar o polegar e/ou chupeta durante a infância;
  • Pressão da língua;
  • Doenças na gengiva.

 

Tratamento de fechamento de diastema

Quem sofre com esse problema pode resolvê-lo através do fechamento de diastema. É um tratamento odontológico que, apesar de simples, precisa ser feito com um bom profissional.

LEIA TAMBÉM  Por que fazer um tratamento odontológico antes do casamento

Existem alguns procedimentos como o fechamento de diastema com resina, com lentes de contato dental, aparelhos ortodônticos, coroas, facetas estéticas, implantes e outros.

Conheça um pouco mais sobre os principais métodos utilizados para o fechamento de diastema:

 

Fechamento de diastema com resina

A resina é um material muito usado em vários tratamentos odontológicos, como em restaurações. É muito resistente e fácil de utilizar, além de ser mais econômico e com um resultado muito bom.

Outro bom motivo de usá-la, é que a resina é muito semelhante a estrutura dos dentes. Por isso o resultado é bem natural. Tanto no formato final da restauração como na coloração.

No caso de diastema, a resina é usada para restaurar os dentes que estão entreabertos. É minimamente invasivo, mas é necessário, em alguns casos, desgastar os dentes para sua aplicação.

Após o procedimento, alguns cuidados são fundamentais, como evitar alimentos que possuem pigmentos fortes, como o café. Isso porque a resina pode ficar amarelada muito mais rapidamente.

 

Fechamento de diastema com lentes de contato dentárias

As lentes de contato dentárias, também são bastante resistentes e é feito sem cirurgia. É a técnica de menor risco e que garante um resultado muito bom.

A lente é uma faceta ultra fina, de cerca de 2 milímetros. É feita em porcelana, também é muito semelhante aos dentes naturais. A lente é uma variação muito mais fina da lâmina ou faceta dental de porcelana.

A aplicação é mais simples. Após elaboração da lente (que é personalizável de acordo com a necessidade do paciente, tom dos dentes etc), ela é colada ao dente original.

O melhor, é que os dentes originais não precisam ser desgastados para a aplicação da lente. Além disso, não oferece nenhum risco para sua arcada dentária.

LEIA TAMBÉM  Preciso ir ao dentista em tempos de pandemia?

 

Fechamento de diastema com aparelho dentário

O aparelho é utilizado para corrigir imperfeições nos dentes e também para unir aqueles que estão afastados, como é o caso da diastema.

É mais comum utilizar em adolescentes e pessoas mais jovens, evitando procedimentos mais invasivos como a resina e a lente dentária. Adultos também podem fazer uso desse método.

Esse tratamento é mais longo e, depende da técnica e da posição dos dentes. Geralmente varia entre 12 e 36 meses. Ao colocar o aparelho, será preciso fazer acompanhamento com o dentista mensalmente ou com uma frequência maior, se for necessário.

Basicamente, são dois tipos de aparelhos: os fixos e os móveis/removíveis. Cada um é usado para um caso específico.

Se o problema da diastemas te incomoda, procure agora a Dental Esthetic para agendar uma avaliação.

Dental Esthetic Center
A Dental Esthetic Center é uma clínica odontológica em Curitiba especializada em odontologia estética com tecnologia de ponta. Fazemos mais que desenhar sorrisos: oferecemos autoestima e qualidade de vida a todos os nossos pacientes. Temos o diferencial de ser uma clínica odontológica que capacita outros profissionais. Nosso centro de treinamento, o Dental Esthetic Center Training, forma novos especialistas na área a cada ano. Nosso maior objetivo não é apenas ser uma clínica odontológica referência em nossa área de atuação, mas também satisfazer todos os pacientes que nos procuram.
Postagens Recentes

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar